desenvolvimento de conteúdos e-learning,recursos

Conteúdos de e-learning que apetece beijar

14 Jul , 2011  

Apresentação que preparei com técnicas para melhorar a escrita de conteúdos para e-learning.

Usada em cursos que lecciono na área da concepção e desenvolvimento de conteúdos para e-learning e também para orientar subject-matter experts com quem tenho trabalhado. Tem sido útil!

, , , ,

desenvolvimento de conteúdos e-learning

#11 – Seleccionar o essencial para conteúdos e-learning

2 Nov , 2010  

Responda às 4 questões que o ajudarão a seleccionar a informação essencial para conteúdos de e-learning e a tornar a aprendizagem mais eficaz.

Num post anterior referi a importância de seleccionar a informação mais importante nos conteúdos para e-learning, nomeadamente os que se destinam a ser visualizados num computador, e fornecê-la em primeiro lugar. Para isto, a aplicação da técnica da pirâmide invertida pode-se revelar uma óptima solução.

Sublinhei também que um dos obstáculos à aplicação desta técnica pode ser a dificuldade em conseguir seleccionar a informação crucial. Muitas vezes os SME padecem de uma espécie de “maldição do conhecimento”, não querendo deixar de referir as nuances e detalhes de um assunto. Não é que os pormenores de um tema não sejam importantes. Mas, num determinado contexto de aprendizagem com objectivos bem definidos, serão o MAIS importante?

Ficam aqui 4 questões que o podem ajudar a seleccionar a informação essencial para conteúdos de e-learning e a tornar a aprendizagem em e-learning mais eficaz: More…

, , , ,

recursos

Conversão de conteúdos para e-learning

12 Mar , 2010  

Partilho aqui uma metodologia que desenvolvi para conversão de conteúdos presenciais para e-learning, e apliquei num projecto que envolvia vários módulos de formação com diferentes peritos internacionais. Trata-se de um conjunto de passos através dos quais o instructional designer vai orientando o trabalho dos subject-matter experts.

Fase 1 – estrutura e objectivos do curso

Numa primeira fase os peritos (subject-matter experts) reflectem sobre os objectivos, estrutura e tópicos do curso (passos 1 e 2). Deve-se verificar se os tópicos listados abordam a matéria suficiente para o formando atingir todos os objectivos e se as unidades seguem uma sequência lógica (que podem ser módulos ou sessões). Este passo foi decisivo para colocar os peritos a reflectir sobre a matéria realmente crucial, pois nos módulos de formação presenciais não tinham sido definidos os objectivos específicos. More…

, , , ,

desenvolvimento de conteúdos e-learning

#9 – Histórias para ajudar a aprender

18 Nov , 2009  

Um dos cursos em que estou actualmente a trabalhar tem como linha condutora uma narrativa, a qual molda todo o percurso de aprendizagem. Isto fez-me reflectir sobre o uso de histórias com finalidades pedagógicas. É o caso das fábulas por forma a transmitir mensagens com valor ético e moral, sobretudo a crianças.

Também existe potencial pedagógico das histórias nos cursos de e-learning, pois é uma forma de os tornar mais interessantes e cativar a atenção do formando, e alimentar a sua vontade de continuar a aprender.

Porquê usar histórias para facilitar a aprendizagem? More…

, , ,

desenvolvimento de conteúdos e-learning

#8 – Feedback em e-learning: torne-o num verdadeiro momento de aprendizagem

30 Out , 2009  

Ao limitar-mos as mensagens de feedback a expressões como “Parabéns, acertou!”; ” Errou, tente novamente” estamos a perder uma valiosa oportunidade de aprendizagem.

Os questionários de auto-avaliação são uma actividade comum em e-learning, mas cujo potencial de aprendizagem nem sempre é devidamente aproveitado. Neste post vamos ver como usar estes questionários para criar verdadeiros momentos de aprendizagem.

Uma possibilidade oferecida pelos questionários de auto-avaliação, como questionários com questões de escolha múltipla, verdadeiro/falso, etc., é o feedback automático. Podemos considerar dois tipos de feedback: correctivo e explicativo. O primeiro indica ao formando se errou ou acertou. O segundo explica porque errou. More…

desenvolvimento de conteúdos e-learning

#7 – Anime os conteúdos de e-learning

21 Out , 2009  

Acabe de vez com os conteúdos de e-learning monótonos!

Já alguma vez lhe aconteceu só se aperceber de um som repetitivo (como uma ventoinha) quando este subitamente desaparece? Isto sucede porque o nosso cérebro tem tendência a habituar-se a padrões e está desenhado para estar especialmente atento a mudanças. Como se relaciona isto com conteúdos de e-learning? More…

, , ,

desenvolvimento de conteúdos e-learning

#5 – Quais as imagens mais adequadas para ilustrar o conteúdo?

21 Ago , 2009  

Numa dica anterior referi a importância de se aplicar o princípio multimédia em conteúdos de e-learning, que nos diz que se aprende melhor quando se combinam palavras e imagens do que somente palavras. Mas a escolha das imagens deve ser criteriosa, ou seja, estas não devem ser decorativas, mas ajudar à compreensão do texto.

E quais os tipos de imagens mais adequadas para ilustrar o conteúdo?

Dan Roam, no seu livro “The Back of the Napkin” apresenta uma proposta que nos pode ajudar a escolher as imagens que mais favorecem a compreensão do assunto abordado. Basta seguir a regra <6><6> do pensamento visual More…

, , , ,

desenvolvimento de conteúdos e-learning

#3 – Usar texto e imagens

21 Jul , 2009  

Aprende-se melhor quando se combinam palavras e imagens do que somente palavras.

aqui sublinhei que combinar texto e imagem favorece a aprendizagem (e por imagens entenda-se também vídeos e animações).  É isso que enuncia o princípio multimédia (Mayer, 2001),  segundo o qual se aprende melhor quando se combinam palavras e imagens do que somente palavras. É que para além de nos lembrarmos de 10% do que lemos por comparação com os 50% do que vemos e ouvimos, a percentagem de informação retida aumenta significativamente quando o processo de transmissão da informação conjuga simultaneamente o oral e visual do que somente visual (após 3 dias passa de 20% para 65% passado 3 dias).

Conclusão: os conteúdos devem estimular mais do que um sentido, para que os formandos se envolvam mais activamente e obtenham melhores resultados de aprendizagem.

Para saber mais sobre o princípio multimédia:

, , ,

recursos

Mi vida loca –um exemplo de curso de e-learning a seguir

18 Jul , 2009  

mi_vida_loca

Vale a pena ver o Mi vida loca, um curso multimédia de Espanhol lançado pela BBC e disponível gratuitamente, pois apresenta as algumas das características de um curso de e-learning bem conseguido More…

, , , ,

eventos,ferramentas,recursos

eXelearning – uma ferramenta de autoria para eLearning

3 Jul , 2009  

Aqui ficam os slides da minha apresentação soobre eXelearning no Workshop – Plataformas e Ferramentas de Suporte à Formação e ao elearning, a 2 de Julho, no IEFP/CNQF.
View more documents from svfernandes.

, , , , ,